The Post é o filme que você ouvirá sobre todas as temporadas de premiação

É novembro, o que significa uma coisa: a temporada de premiações está chegando. Este ano, Steven Spielberg está de volta pela primeira vez desde 2015 Ponte dos espiões com um drama de época tão repleto de estrelas, que praticamente vomita 'prestígio'.

The Post narra a verdadeira história do vazamento de 1971 dos documentos do Pentágono - documentos confidenciais que revelam a verdadeira natureza do envolvimento dos Estados Unidos no Vietnã - através dos olhos de Washington Post a editora Kay Graham (Meryl Streep) e o editor executivo Ben Bradlee (Tom Hanks). Eles correm para relatar suas próprias histórias, que poderiam '(expor) anos de segredos do governo', após o New York Times a quebra da história, mesmo com o aumento da pressão da Casa Branca; O presidente Nixon vai tão longe a ponto de obter uma liminar para proibir o Vezes de publicar ainda mais, um movimento de poder que leva o caso até a Suprema Corte.



Enquanto Bradlee defende o quarto estado e a publicação dos jornais a todo custo ('O que acontecerá se não os publicarmos? O país perderá.'), Graham enfrenta a perspectiva de prisão se o tribunal decidir contra a imprensa. 'As pessoas estão preocupadas por ter uma mulher no comando do jornal - que ela não tenha a resolução de fazer escolhas difíceis', diz um oleoso Bradley Whitford, ao qual Streep dá sua melhor bolsa labial Miranda Priestly: